Fotos

156 000 €

Prestação Estimada
CALCULAR

Moradia - Bitarães - Paredes

Moradia 3 Quartos

3 Quartos 2 Casas de banho 396 m2 de área

Paredes, Bitarães

Referência: C0188-01640

Certificado energético:

Moradia em bom estado de conservação

Possibilidade de constituir duas habitações independentes

1º Piso consistido por 3 Quartos, 2 WC, Sala e Cozinha.

Piso R/C encontra-se todo aberto e a funcionar actualmente como armazém. Possui entrada individual

Cave - Tem garagem por acabar com 120 m2

Seguem áreas:

Cozinha - 14m2
Hall de Entrada - 5.30m2
Sala - 31m2
Hall Quartos - 6.50m2
Arrumos - 2.50m2
Quarto 1 - 12.50m2
Quarto 2 - 14.20m2
Quarto 3 - 17.10m2
WC Serviço - 3.20m2
WC Completa - 5.30m2
Varanda - 20m2

Armazém (R/C) - 120 m2

Garagem (Cave) - 120m2

Zona residencial calma a cerca de 3km do centro de Paredes


Paredes é um concelho da Área Metropolitana do Porto, pertencente ao Distrito do Porto e à Região do Norte, com 86 854 habitantes. O município tem 156,76 km² de área e está subdividido em 18 freguesias, desde a reforma administrativa de 2013, que antes contava com 24. O município é limitado a norte por Paços de Ferreira, a nordeste por Lousada, a este por Penafiel, a sudoeste por Gondomar e a oeste por Valongo.
O município foi criado em 1836, sucedendo, em grande parte, ao antigo concelho de Aguiar de Sousa e integra a Rota do Românico do Vale do Sousa.
Paredes insere-se numa das regiões mais prósperas e paisagisticamente interessantes de Portugal: o Vale do Sousa. Actualmente, Paredes assenta no antigo concelho de Aguiar de Sousa, que data dos primórdios da Monarquia. O concelho de Aguiar de Sousa surgiu num pacto de povoamento de Vale do Sousa, tendo sido criado em meados do século XII. Consta, efectivamente, nas inquirições de 1258, mandadas fazer por D. Afonso III e conforme consta no fascículo II, Vol.I, do Corpus Codicum Latinorum. Aqui, são referidas, também, algumas das actuais freguesias do concelho de Paredes, pertencentes ao então julgado de Aguiar de Sousa: Estremir, Crestelo, Vilela, Bendoma, Ceti, Gondalães, Veiri e Gandera. Aguiar de Sousa recebeu foral em 1269, confirmado em 1411 por D. João I e reiterado por D. Manuel I em 1513. Sensivelmente na mesma altura, Baltar recebia também a categoria de concelho. Baltar foi elevada a categoria de vila, passando assim a ter enormes direitos, só comparáveis às maiores povoações do reino. D. João V, a 6 de Março de 1723, confirmou esses privilégios. Extinto em 1837, o concelho de Baltar era constituído por 9 freguesias: Baltar, Cête, Vandoma, Astromil, Gandra, Sobrado, S. Martinho do Campo, Rebordosa e Lordelo. À excepção de Sobrado e S. Martinho de Campo, que actualmente fazem parte de Valongo, todas as outras seriam posteriormente integradas no concelho de Paredes.

Detalhes
  • Preço:  156 000 €  
  • Estado: Venda
  • Área útil:  396  m2
  • Área bruta:  500 m2
  • Estado: Razoável
  • 3 Quartos
  • 2 Casas de banho
  • Ano de construção: 1995
  • Tipo de estacionamento: 2 Garagens
  • Certificado energético: E
Prestação Mensal Estimada

156 000 €

Intermediário de crédito
Clique para uma simulação personalizada


António Mendes & Filipe Oliveira - Soc.Med. Imob., Lda.  AMI: 5561